Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!



Terça-feira, 08.08.17

Algures por aí

existem países onde já começaram as aulas. Nesses sítios anda tudo muito animado porque já compraram os materiais, já têm as roupas (e/ou uniformes) compradas e todas essas coisas... em alguns destes países as crianças levam almoço de casa, esse almoço é constituído por sandes, pacotes de leite, alguma fruta ou cenoura em palitos e pouco mais. Ou seja, aquilo que por aqui costumo mandar para o lanche é dado às crianças ao almoço, lanches? Isso não existe, existem snacks que são por exemplo barras de cereais e frutas secas. Raramente estas crianças comem sopa e quando a comem vem de uma lata. Sim, eu pensava que isso era coisa de filmes antigos, mas não. Hoje em dia as pessoas - em certos locais - ainda comem sopa de lata. Percebi também que os pequenos almoços são um bocado mais nutritivos que os nossos pois comem ovos entre outras coisas, e se isto é tudo normal, também é normal haver jantares com comidas bem condimentadas...

 

Eu tenho feito um enorme esforço para não desperdiçar comida, para não desperdiçar dinheiro em coisas que não comemos e em aproveitar bem o que temos fresco como legumes e frutas. Tenho um orçamento mensal para supermercado e tento cumpri-lo. Se tivesse mais tempo dedicar-me-ia a fazer mais coisas em casa, por agora voltámos às pizzas caseiras. A nossa sopa, na maior parte das vezes vem da minha mãe que faz sempre muita e assim não se estraga, mas é feita com coisas da horta, não costumamos comer sopas de pacote... em lata só temos atum, salsichas, milho e pouco mais.

 

Este mês vou começar a ensinar à Margarida como fazemos a gestão da comida lá em casa, já me pareceu que ela gosta deste tipo de coisas e assim vai aprendendo... manter uma família alimentada não é bem a mesma coisa de alimentar bem uma família. Seria mais barato talvez misturar o conteúdo de pacotes com água e ter refeições prontas, mas a mim não me convence... quando penso no que vou fazer para os menus do mês fico sempre angustiada, sem ideias e farta de fazer sempre o mesmo, se decido não seguir o menu acontece sempre o mesmo: muitas vezes comemos frango assado de compra, gasto dinheiro a mais e nem por isso comemos melhor. 

 

Não pensem que somos tão pobres que não temos dinheiro para comida, não é nada disso, é uma questão de comprar o que é melhor para nós, para as nossas necessidades sem desperdiçar dinheiro e comida, é uma questão de aproveitar o que temos, de usar a imaginação, de procurar, de não me acomodar ao mais rápido e que dá menos trabalho... deve ser uma questão de mentalidade, só pode!

 

Como é que dão sandes todos os dias ao almoço a crianças pequenas? E ainda dizem mal do nosso país!!!!

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Terça-feira, 08.08.17

Planos para o futuro

Ora aqui está uma coisa que não me apetece muito fazer. Não sei se é por não ter nada fascinante para colocar na agenda, ou se é apenas por saber que no futuro mais próximo está quase sempre as idas ao médico, a preparação para a escola, ou não. Tirando isto nada mais há a acrescentar no enorme calendário que tenho na bancada da cozinha numa espécie de tentativa para combater a tralha espalhada.

 

Tenho andado adoentada, a Lúcia tem estado adoentada. Mesmo assim consegui fazer algumas das coisas que mais me incomodavam, porque contabilista que é contabilista sabe que antes do lazer temos os Ivas em agosto para fazer. Tenho apenas meia dúzia de coisas para lançar e um para enviar. Amanhã por esta hora posso dar como concluída esta tarefa. 

 

Queria fazer qualquer coisa no quinze de agosto, normalmente vamos sempre passear, este ano deveremos ficar mesmo em casa, porque o pai começou uma remodelação e quer cumprir o prazo acordado, como sempre tem feito, além de que calha a uma terça feira e não me parece que haja espaço para pontes. No ano passado fomos à Serra da Estrela, estavamos a sair de uma situação terrível, foram uns dias muito estranhos. Passou um ano. As coisas melhoraram, não voltaram a ser como eram, mas estão melhores. É sempre bom quando as coisas melhoram, certo?

 

Na volta este blogue está a ficar um bocadinho deprimente, vou informar-me do verniz da moda e do melhor produto para limpar a casa e volto em breve com uma review, que é como quem diz com três ou quatro frases opinativas da coisa!

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisa de temas

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2017

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Frases nossas

«Mais do que um processo judicial ou burocrático adoptar é amar uma criança e torná-la nossa filha»

Fale connosco através de

olivia.adocao@sapo.pt