Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

A propósito do fim do Natal

Queria registar aqui que realmente durante muitos anos na nossa família considerámos o fim do Natal no dia 6 de janeiro, diz a tradição que é nesse dia que se desmancha a árvores de Natal e o presépio. Mas não é só a tradição quem o diz. Foi assim na nossa paróquia desde que me recordo...

 

Em alguns anos coube-me, enquanto catequista, a tarefa de fazer e desmanchar o presépio na igreja. E verdade seja dita ele era feito depois do 4º domingo do advento e desmanchado logo após a celebração da Epifania (reis).

 

Como em tudo nesta vida, estamos sempre a aprender, só depois de pertencer às Famílias de Caná é que me apercebi que o Natal continua, não até ao dia de reis, mas até ao dia do batismo do Senhor... 

 

Ora no Natal de 2014 falei disso lá na igreja, no domingo seguinte ao dia de reis, pois encontrei o local do presépio vazio... o nosso padre concordou e pela primeira vez falou disso na homilia.

 

Em 2015 foi o primeiro ano em que o presépio ficou efetivamente até ao fim do Natal, e este será o segundo ano...

 

Por isso, quando escrevi que tinha chegado ao fim do Natal, embora na nossa família isso não aconteça no dia 6, cometi um erro. E porque este blogue é também uma forma de partilhas aqui estou para corrigi-lo!

 

Obrigada à família Lopes Palma e à professora Mimi que me chamaram a atenção!

 

 

 

2 comentários

Comentar post