Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Aquele dia em que

cancelas as subscrições do "babyCenter". 

 

Foi hoje. 

 

Na verdade, eu já não lia os emails periódicos há uns meses, talvez por não ser o primeiro bebé me sinta um bocado mais confiante, talvez ler demasiadas coisas em vez de ajudar só complica! 

 

É um misto de "eu cá me vou desenrascando" com o "obrigada pela informação", não é que aquilo seja mau, muito pelo contrário, tem conselhos e dicas bastante boas que ajudam nos primeiros tempos. Mas, uma pessoa chega ao ponto de ter mais do que fazer para andar sempre a ler os emails com dez links para outros tópicos, e neste momento confesso que a Lúcia se tem portado muito bem.

 

Ora, faz tudo o que qualquer bebé de um ano ( e dois meses) sabe fazer, eu sei que não tem dentes (ainda), mas não é grave, já anda, quer correr, brinca com os bebés a passeá-los no carrinho, sabe fazer de conta que dá o biberão, adora brincar com os tachos e as panelas pequeninas da Maria, sabe ir colocar a sua fralda no lixo (obrigada pela ideia Andreia), ri-se quando ouve alguém a rir, adora animais, raramente faz birras, come tudo, alinha nas brincadeiras das irmãs e percebe aquilo que lhe dizemos, não dá muito trabalho porque dorme duas valentes sestas (uma de manhã e outra de tarde), estou até a pensar se a mando para a creche este setembro ou só no próximo!

 

IMG_20161229_140140.jpg

 

É verdade,  sua primeira palavra foi... buáa, que queria dizer bolacha, depois disse "bolo", sim, leram bem.

Mas agora já diz "mamã" e "papá" na variante "bapá".

 

 

 

3 comentários

Comentar post