Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!



Sexta-feira, 27.02.15

Daqui para o mundo, do mundo para aqui #4

As surpresas no Postcrossing não têm fim! Ainda no outro dia a Maria ficava amuada com os lindos postais da mana e da mãe, quando ao chegarmos da escola o senhor carteiro lá da aldeia, que sabe onde eu trabalho pois já aqui entregou correio nesta rua da cidade, trazia um envelope A4 para a Maria... qual o nosso espanto! Era grande e fofo!!!

 

A Maria ficou de tal forma cheia de alegria que nem queria abrir o pacote, assim teria para sempre uma surpresa! Tive de insistir e insistir para que abrisse... do lado de fora havia 12 selos de flores, uma morada de Praga...

 

Combinámos abrir e voltar a fechar depois de sabermos o que tinha no seu interior, e ao abrir vimos:

 

1 Fantoche

1 Postal

1 Livro para colorir

1 caixa com lápis de cor

1 chupa 

 

Tudo com a mascote oficial da Republica Checa, o Krtecek, um simpático castor!

 

2c94a6fe6ed47d1dacddcc39664cfed4.jpg

 

Por esta ninguém esperava e não me irei esquecer da cara da Maria a olhar para dentro do envelope a sorrir... são tão poucas as coisas na vida que nos fazem sorrir de pura alegria, aquela alegria que vem de dentro e que se espalha através do nosso olhar! A alegria de coisas simples, a alegria da surpresa!

 

Fiquei a pensar na ideia dela de não querer abrir o pacote... teria para sempre uma surpresa... mas por outro lado nunca teria a alegria de ver o que estava lá dentro! Tenho a ideia de que muitas vezes não arrisquei mais para ter assegurada aquela coisa, e por isso tenho perdido muitas alegrias... é só uma impressão com que ando muitas vezes!!!

 

 

Também é verdade que, no meio da agitação do dia-a-dia, nem nos damos a oportunidade de receber as verdadeiras surpresas da vida, quantas vezes em vez de me alegrar com uma novidade não fico logo a pensar mil e uma coisas que poderão acontecer a partir dali... quanto me custa aceitar as dádivas do meu dia? Estarei eu tão cega para a alegria que tenho deixado passar pequenos momentos sem lhes dar importância? 

 

Na maioria das vezes ando o dia todo preocupada com as coisas que me incomodam, com coisas que me entristecem, de tal forma que se alguém me "presenteia" com alguma novidade... nem dou importância... o primeiro pensamento é deixa-me lá que tenho mais do que fazer e montes de problemas para resolver!!!

 

Será que me custa assim tanto olhar e reconhecer as alegrias de um dia normal? Olhando para o dia de ontem, serei capaz de enumerar dez coisas que me tenham deixado alegre com a mesma facilidade com que sou capaz de enumerar as coisas que não correram bem e que me deixaram triste?

 

Será que a minha expectativa pela alegria é assim tão grande, que não a consigo ver numa papoila a rebentar no jardim vazio? No sol que brilha fazendo os raios passarem pelas nuvens? Na "bolinha azul" do comportamento da Maria? Nas fotos novas da Margarida?

 

Dou comigo tantas vezes a reparar que o meu coração está fechado, triste, preocupado, dorido... que pessoa posso ser se continuar assim? Se não me abrir à verdadeira alegria e mudar a minha forma de ver os problemas, como quero eu ser uma pessoa melhor?

 

 

Que eu saiba em cada dia ser mais alegre, ter um coração mais generoso, mais compreensivo, mais simples, mais puro e mais sábio!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Olívia às 06:00


3 comentários

De M* a 27.02.2015 às 23:18

oh, que fantástico :) 
confesso que gostava de ser mosquinha para ver o ar de felicidade da Maria. esta pessoa é simplesmente linda :)

De Olívia a 28.02.2015 às 09:28

Nunca pensei que alguém se desse a este trabalho! Realmente fantástico!

De Diana a 29.04.2016 às 23:36

Olá querida Olívia!
Não sabia que também tinhas Postcrossing? Ena pá!
Eu também tenho :) e, à conta dele comecei a colecionar selos :)
É tão giro conhecer outras pessoas de vários cantos do mundo! Tenho uma correspondente católica dos Estados Unidos e mais algumas que me escrevem regularmente!


Beijinhos!
P.S: Por falar em correio... já me enviaste aquele livrinho? Ainda não recebi nada! 

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisa de temas

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728


Frases nossas

«Mais do que um processo judicial ou burocrático adoptar é amar uma criança e torná-la nossa filha»

Fale connosco através de

olivia.adocao@sapo.pt