Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

De malas à porta...

... e não é para ir de férias, mas para a maternidade!

 

Na verdade quando digo que faltam dois meses e meio para a Lúcia nascer as pessoas têm tendência a perguntar se já tenho tudo pronto, malas feitas e essas coisas...

 

A resposta sincera é: tenho tudo, mas nada está "pronto"... da lista que fiz consegui reunir tudo entre amigas e famíliares, as malas também as tenho - vazias - as roupas continuam  guardadas ainda por lavar e assim por diante!

 

No domingo tive vontade de lavar algumas peças, mas faltava-me o detergente, sim (dizem) que as roupas dos pequeninos devem ser lavadas com detergentes próprios para bebés, e ao que parece segundo me disse a farmacêutica, mães com problemas respiratórios têm mais probabilidade de ter filhos com problemas de pele, com a Maria foi um problema, e com a Margarida também - espantem-se!!! 

 

 Apesar de por diversas vezes ter entrado no supermercado para procurar o dito detergente, esqueço-me sempre... é que aquilo deve estar nalgum lugar muito escondido... e pior nunca há promoções dos detergentes "baby", porque será? Mas brevemente terá de ser!

 

O quarto das meninas pequeninas está a ficar composto, o super pai já tratou das paredes e já as pintou, no domingo deverá colocar o soalho, ficam a faltar umas surpresas que ainda não estão prontas, mas já dá para adiantar alguma coisa...e é bom que haja vontade de arrumar tudo nos sítios!

 

Um dia destes o nosso estendal vai estar cheio de roupinhas pequeninas ao sol, há quanto tempo não vemos peças do tamanho de uma folha A5 estendidas lá fora?

 

Há demasiado tempo...

 

Realmente desta vez estou a conseguir aproveitar muito melhor todo este tempo de gravidez, sem correrias, sem pressas, ir planeando, depois fazendo as coisas...podendo dedicar-me a pouco e pouco às mudanças que a nossa família está a viver, olhar com esperança para o nosso futuro próximo e imaginar que daqui por 10 semanas uma bebé estará ali connosco a aprender tudo aquilo que temos para lhe ensinar!

 

 

 

8 comentários

Comentar post