Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

História XXIV *Nascimento*

...

«Estava previsto o nascimento da Mimi para o dia 3 de Julho (2008) e como tal no meu trabalho ficaram assustados com o facto de faltar apenas alguns dias e eu continuar a aparecer fazendo uma viagem de cerca de 80km duas vezes por dia e no dia 30 de Junho pediram-me que ficasse em casa (certo é que como estava a recibos verdes a minha licença seriam 45 dias, ou seja um mês e meio depois de ter a bebé teria de ir trabalhar, caso não aceitasse iria embora logo quando avisei que estava grávida...) e assim foi, fiquei em casa e por incrível que pareça a menina não nasceu no dia previsto... eu sei não é assim tão incrível, mas eu achei que seria nesse dia...

No dia 7 às 9 da manhã fui então fazer o tal CTG e a doutora disse que ia ficar lá...mas como eu não tinha levado nada pedi para vir a casa buscar as malas, assim foi vim para casa, mas quando cheguei tinha tanta coisa para fazer que só regressei ao hospital à uma da tarde, com direito a ralhete e tudo... Ora bem, não me doía nada, estava bem...

As horas que se seguiram foram basicamente como são para quase toda a gente e chegado o ponto de descobrir que a bebé não queria nascer e era muito grande teriam de fazer uma cesariana. À pergunta sobre se era a primeira filha eu respondi que não, mas ao comentário seguinte de já ter passado por isto eu respondi que era a primeira vez! Várias foram as enfermeiras que quiseram vir conhecer a minha história, claro que fui contando depois da epidural, que antes nem conseguia falar...

 

O pai chegou de Lisboa às 20.30 e às 21.50 desse dia nasce a pequena Mimi, com 4,030 Kg e 51 cm de comprimento! No dia seguinte faria eu 28 anos e no outro dia a seguir faria o pai 30 anos!

 

Na hora da visita a Gui foi ver a mana! Pegou nela ao colo com jeitinho e foi realmente um momento muito bonito!

 

Os quatro estávamos juntos pela primeira vez neste nosso mundo tão belo e a partir desse dia seríamos uma nova família!»

 

A Mãe

2 comentários

Comentar post