Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

História XXVIII *Uma decisão difícil*

...

«Os nossos primeiros meses com a Gui ditaram toda uma nova abordagem ao tema escola, sim porque ter uma filha com o tal défice cognitivo das duas uma, ou deixava-mos andar e depois logo se via ou nos dedicava-mos a 100% a um trabalho fora da escola de maneira a que ela pudesse acompanhar o que os colegas iam fazendo e recuperar tudo aquilo que nunca conseguiu.

Os métodos de estudo tiveram de ser implementados, as horas de descanso respeitadas, a atenção ao que ia sendo transmitido nas aulas redobrada e por aí fora ou seja a única actividade que ela tinha nesta fase era mesmo a catequese ao fim-de-semana. Durante a semana fazia os trabalhos de casa, estudava e brincava.

Nunca lhe fizemos os trabalhos de casa, apenas verificávamos que os ia fazendo, ela não tinha vontade nenhuma é certo, mas foi graças ao esforço em conjunto que o tal 3º ano foi concluído com sucesso, o que em linguagem escolar significava passar para o 5º ano. Sim leram bem, pois a menina estava a fazer o 3º, mas matriculada no 4º ano. 

Como poderíamos nós deixar ir a nossa filha para o 5º ano sem fazer o 4º? Como poderia ela continuar os seus estudos e a sua luta? Não podia.

Resolvemos então expor o caso no agrupamento e com o apoio de todos os professores e da psicóloga pedimos que ela ficasse retida no 4º ano para que o pudesse fazer na realidade, aproveitando a papelada e a carta pedimos também para que fosse alterado o seu PEI (Programa Educativo Individual) para que ficasse apenas com algumas adequações.

 

O pedido foi aceite e assim pela primeira vez se entrou na normalidade no ano lectivo de 2009-2010 iniciou-se o 4ºano... a fazer o 4º ano! A caminhada continuava...»

 

A Mãe

 

 

 

 

1 comentário

Comentar post