Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

04.05.16

Me and my car #2

Olívia

Não é fácil não gostar de conduzir quando se precisa mesmo de o fazer todos os dias... já desabafei sobre isso algures neste blogue!

 

Este ano escapei-me de ir à inspeção com o carro, mas não me escapei de ir com ele à oficina na terça feira... pois é, quando regressámos da nossa alegre passeata o menino carro resolveu fazer um daqueles barulhos estranhos, sabem quais são? Sim aqueles que uma pessoa está a ouvir e a pensar que a coisa nos vai sair cara!

 

Posto isto, ao chegar à oficina e depois de diagnosticada a maleita deixo lá o carro para repararem qualquer coisa que não me lembro o nome e vou passear pela cidade, não sem antes perceber uma coisa chocante:

 

O meu carro está velho! Velho! E sem valor quase nenhum... o meu querido carro, que comprámos há três anos filhas atrás!

 

Sim, os senhores que percebem destas coisas (não sei se há lá senhoras, mas duvido) acham que 11 anos faz um carro velho! A bem dizer eles acham que um carro com 5 anos já passou da idade e não dão nada por ele... e pior: que um carro assim que sai do stand já não vale metade do que valia! Ora que coisa!

 

Eu vendo carros todos os dias, e posso assegurar que valem sempre o mesmo, aliás há anos que os vendo praticamente ao mesmo preço! E se alguém comprar um, e vir que não era bem essa a cor ou o tipo, eu troco ao mesmo preço!

 

São carros de linhas, mas são carros!!!

 

Gütermann-Pesponto-300x300.jpg

 

 

 

 

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D