Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!



Segunda-feira, 29.06.15

Mini Culinária

Eu confesso que sou muito um bocado egoísta mandona na cozinha. Gosto das coisas arrumadas nos sítios certos, não consigo andar a cozinhar com muita gente à minha volta, sempre que temos visitas gosto de ser eu a fazer tudo, quando vou a algum lado tenho sempre a mania de querer ajudar nas arrumações e limpezas... enfim, já deu para ver o género...

 

Mas, ultimamente tenho visto em vários blogues tais como aqui e aqui que talvez seja boa ideia, não só fazer uma espécie de atividades culinárias com os filhos, mas dar-lhes a oportunidade de serem eles próprios autónomos na preparação de algumas refeições.

 

Dito isto, vamos à parte complicada: como é que eu, sendo como sou vou conseguir ultrapassar esta falha que tenho e deixar as duas filhas na cozinha a fazerem comida? (leia-se sujar montes de loiça, desarrumar tudo, lidar com o fogão, forno, etc?)

 

3, 2, 1 Respira fundo, lê um Salmo e entrega tudo nas mãos de Deus

 

 

Bem, parece-me que o primeiro passo é encontrar receitas que sejam simples e práticas, por isso quem tiver sugestões força, é só deixar nos comentários, mandar por email e depois ver como é que sai! Não podem é ser daquelas receitas todas "fashion" com ingredientes que eu nem sei o que é tipo algas, e alpista de goji e não sei o quê das Índias, etc...

 

Então, na planificação do menu para esta semana resolvi que o jantar de sábado e de domingo ficaria a cargo das nossas filhas - com supervisão - que me arrepia pensar nelas a acender o fogão...

 

A coisa mais importante a saber fazer é uma panela de sopa, por isso a mais simples vai ser mesmo creme de legumes (tudo o que houver no frigorífico).

 

Aqui está algumas imagens 9para registar como correu a confeção da sopa (fotos com telemóvel e como elas não paravam quietas foi o que deu)

 

 

 Descascar batatas, cortar alho francês, ir ao congelador buscar cenoura e curgete (que a avó nos deu)...

IMG_20150627_161120.jpg

 

 

IMG_20150627_161641.jpg

 

 

IMG_20150627_162425.jpg

 

Colocar tudo na panela (ainda fria) e esperar...

 

IMG_20150627_162327.jpg

 

 Triturar bem para não ficar cheia de bocadinhos...

 

IMG_20150627_192855.jpg

 

Hora do jantar!!!!

IMG_20150627_201245.jpg

 

 

 (ao que parece ambas as manas concordaram que esta sopa ficou muito melhor do que a sopa da mãe!)

 

 

 Amanhã mostramos mais umas fotos!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Olívia às 06:15


7 comentários

De Bruxa Mimi a 29.06.2015 às 07:35

De certeza que ficou melhor, para elas, pois tinha o ingrediente (nada secreto) do esforço que lá colocaram!


A primeira vez que fiz "peixe em tomatada", seguindo instruções da minha mãe (já eu era casada), soube-me maravilhosamente. Depois ensinei esse prato à minha empregada (que é uma ótima cozinheira) e, apesar de ela seguir as instruções, nunca me sabe tão bem... :-)

De Olívia a 29.06.2015 às 09:35

:) a mim soube-me bem, já que não fui eu que fiz, soube-me a descanso!


Mas a "lata" delas, adoram por defeitos nas sopas, mas a delas... ai ai, essa nem um tinha!


De Rute Almeida a 29.06.2015 às 22:28

Gostei muito de ver as tuas meninas na cozinha :-) Que bom! Daqui a uns anos vais te rir destes momentos em que as deixaste explorar o mundo da culinária! Continua e... não te preocupes tanto com a arrumação, de certeza que elas se divertiram imenso! Deixa-as experimentar também fazer bolinhos ou um bolo e vais ver o que é festa aí em casa :-)


Muitos beijinhos com saudade
Rute

De Olívia a 30.06.2015 às 13:06

Tens muita razão!
E sim, divertiram-se muito!

De D. a 29.06.2015 às 22:56

O primeiro parágrafo descreve-me na perfeição! 
E a sopinha está com muito bom aspecto. :)
Acho que o essencial é começar como a Olívia fez, com as coisas mais básicas e fundamentais: ensinar a fazer sopa, massa e arroz simples e como preparar (lavar, cortar, temperar, etc.) legumes, carne etc. Isso as meninas podem ir aprendendo vendo a mãe e ajudando de vez em quando nalguns passos da confecção (não sei se já o fazem ou não). E ajuda bastante se for explicando todos os passinhos à medida que os faz. Aprendi muito assim com a minha mãe e ensinei recentemente um colega de forma semelhante.
Quanto a receitas, talvez aqui (http://chef.continente.pt/chefs/mini-chefs#0) encontre alguma coisa ou no site da APN (http://www.apn.org.pt/ebooks.php), os "livros de receitas para os mais novos". Se me lembrar de mais, depois digo.

De Olívia a 30.06.2015 às 13:06

Bem, vou ver os sites para tirar ideias!
Obrigada!

De Uma Caravana no Deserto a 01.07.2015 às 11:26

Olá,
Pois cá em casa é igual. Acho que quase todas as crianças adoram aventurar-se na cozinha. Nós fazemos várias vezes biscoitos, bolachas e bolos (mais no inverno), agora são mais as gelatinas e os gelados. Também podem fazer iogurtes caseiros. Quanto a comidas (leia-se almoço/jantar) experimentem as saladas que agora sabe, sempre bem: salada russa, salada de feijão frade com atum e ovo.... Sempre que faço rissóis elas também adoram ajudar, a cozinha vira uma fábrica e fazemos uma quantidade maior que depois congelamos e são óptimos para uma refeição quando não temos nada preparado.
BJS


PS:Divirtam-se. E quando forem 3 manos/manas? aí é que vai ser "bagunça" total!
Mª Jesus

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisa de temas

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2015

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930


Frases nossas

«Mais do que um processo judicial ou burocrático adoptar é amar uma criança e torná-la nossa filha»

Fale connosco através de

olivia.adocao@sapo.pt