Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Preparar uma oração? Eu? Mas como?

No sábado haverá um encontro muito importante da Família Andaluz! O nosso pequenino grupo estará presente para, pela primeira vez, participar enquanto membros desta família. Será certamente um encontro bastante rico de experiências das várias localidades representadas, teremos actividades, palavras cheias de vida e testemunhos de acções a decorrer por todo o país!

 

Na semana passada recebi um email muito simples que dizia:

 

"Com o aproximar galopante do dia da Assembleia, gostaríamos de contar com a vossa colaboração na preparação e animação da oração final
 
Deverá ter uma duração que não ultrapasse os 10 minutos."
 
 
Que bom, lembraram-se de pedir ao grupo mais recente e mais pequeno um humilde contributo e entre o grupo foi acordado que me caberia a mim preparar a oração... e nem parecia nada de muito complicado até ter em frente a mim uma folha branca Word vazia e um cursor a piscar... e agora? Escrevo o quê? Não vou ser capaz de fazer nada excepcional, certamente... mas serei capaz de apresentar alguma coisa? Resolvi dormir sobre o assunto, no dia seguinte... nada... e  no outro... nada... se ao menos eu soubesse qual era o tema central do encontro...
 
 
Parecia que sempre que me dispunha a escrever no computador nada saía! Ora bolas... as pessoas a fazerem conta comigo, eu comprometi-me e agora? No blogue Uma Família católica o texto do dia era exactamente sobre a oração! Mas a oração pessoal... e esta era suposto ser uma oração para todo um grupo fazer em conjunto... ideias precisam-se... mas nada conseguia escrever...
 
 
Era hora de enviar um S.O.S. a alguém que está habituado a escrever coisas maravilhosas, a uma autora de renome já com três livros publicados e um grande número de retiros e workshops... claro... a Teresa! (eu sei que ela tem os minutos contados, mas também sei que se precisar ela me dá uma mãozinha!)
 
 
A resposta dela, foi sem dúvida uma luz! Tranquilizou-me, mostrou-me que realmente a oração deveria ser um momento de louvor, de agradecimento, e quantas palavras existem na Bíblia que são exactamente isso? Oh... são imensas!
 
 

IMG_20150211_132403.jpg

 

Perante isto, só me restou uma opção, voltar-me para a fonte, deixar que a minha mão fosse guiada por Deus.
 
Depois de ler muitas das minhas passagens preferidas escolhi apenas algumas que se enquadravam no espírito do dia e da ocasião, trabalhei nela durante parte da noite, no dia seguinte na loja, mais um pouco em casa... 
 
Fiz um rascunho numa folha amarela (e não branca) dobrada ao meio para não parecer muito grande (técnicas aprendidas nas aulas de desenho)... 
 
 
Ordenei as passagens da forma que me pareceu mais bonito!
 
E só então passei para o computador! 
 
Aqui vos deixo então a pequenina oração com que vamos terminar este encontro:
 

Oração de Louvor, gratidão e envio (1) (1).pptx

 

 
 
No final, como que acordada de um sonho, olhei e vi que era de facto muito pequenina, talvez muito simples, tive aquela sensação que se tem quando se semeia uma planta, se trata dela e depois ela nasce muito pequenina... mas aos olhos de Deus será certamente uma boa oração já que foi feita com muita dedicação e guiada pelo Espírito de Sabedoria!
 
 
Mal acabo de enviar o email para quem está a organizar a assembleia recebo como resposta:
 
"Olá Olívia está muito bem só precisa de uns retoques no powerpoint mas eu posso fazer isso e depois ao longo do dia acertamos melhor.
O tema é "chamados à Santidade" por isso está muito bem."
 
 
 
Missão cumprida! Obrigada Senhor!
 
 
 
 

1 comentário

Comentar post