Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

24.04.15

Ser representante dos pais...

Olívia

É uma aventura...

 

Todos os anos no final do ano lectivo penso nunca mais me voluntariar para o efeito... mas no ano seguinte acabo por voltar a fazê-lo.

 

E porquê? Porque me parece que ser representante dos pais não exige assim tanto de nós e é preciso que alguém fique com esta tarefa.

 

Neste ano, na reunião do 8º precisei de sair mais cedo para poder ir à reunião da Maria que era a primeira por isso já lá não estava quando foram eleitos ou nomeados os representantes o que significa que eu não sou. Na reunião da Maria ninguém se voluntariou e eis que eu digo que não me importo de ser a 2ª representante, logo outra mãe se ofereceu para ser a primeira.

 

Toda esta conversa para relatar uma questão da máxima importância que havia para discutir no final da reunião da entrega das notas do 1º período juntamente com o director da escola e que daria origem a mais uma hora de reunião noutra sala.

E «qual era o assunto da máxima importância?» Podem perguntar vocês... eu digo:

 

- Alguém tinha tido a ideia brilhante de que todos os alunos da escola deveriam adquirir uma camisola de uma cor específica para usar nas duas, vá lá, três saídas da escola, sendo que duas delas são no inverno e por isso a dita camisola nem se vê debaixo do casaco.

 

Eu sou do tipo de mãe que detesta "peneiras", mas para saber o que dizer na reunião seguinte onde só estariam os representantes pedi aos pais que se manifestassem. As opiniões dividiam-se, a maioria não se importava dependendo do valor, alguns pais recordaram que existem crianças na escola que nem sequer vão às visitas de estudo pois os pais não têm como pagá-las... e há que recordar que 150 crianças comem o pequeno almoço na escola e fazem lá as refeições nas férias porque em casa a comida não chega...

 

Recordaram ainda alguns pais que a professora da sala, por iniciativa própria, contactou várias empresas e uma destas empresas ofereceu chapéus para todos os meninos da turma. O que prova que se calhar existem empresas que até davam as camisolas a custo zero!

 

Nem vos vou falar muito do que se seguiu na outra sala, mas dá-me a sensação que este é um país que vive para as aparências, que não importa mais nada a não ser gastar dinheiro em coisas que não acrescentam nada... nada de nada... eu transmiti aquilo que ouvi na nossa sala, os outros pais fizeram o mesmo, mas ao que me pareceu aquilo já estava mesmo combinado, a reunião foi uma mera formalidade.

 

É por estas e por outras que no próximo ano lectivo eu não me vou voluntariar... 

 

depositphotos_25269219-Colorful-Blank-T-Shirt-Coll

 (imagem)

 

 

 

 

13 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D