Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Adotar Amar Viver

Somos uma família católica que investe no tempo de família, aprendendo e ensinando, amando e vivendo com simplicidade. Somos o Álvaro e a Olívia, a Margarida, a Maria e a Lúcia!

Sobre a lactose

A lactose é o açúcar presente no leite e seus derivados. É um hidrato de carbono, mais especificamente um dissacarídeo, que é composto por dois monossacarídeos: a glicose e a galactose"

 

Hoje em dia muitas pessoas decidiram abolir o gluten e a lactose e mais uma série de coisas porque os consideram prejudiciais à saúde, conheço várias pessoas que tomaram esta decisão apenas "porque sim".

 

Quando a Lúcia fez um ano era suposto começar a transição do leite. Até esta idade ela sempre bebeu do mesmo, o único leite que a fazia ter uma vida relativamente normal. Mas, nesta nova fase decidi ignorar aquela voz interior que me dizia que se ela não tolerava qualquer leite de lata quanto mais os outros, e mudámos então para o leite da Mimosa especial 1-3 anos. Quando falava nisto a algumas pessoas a maioria dizia que aquilo era só açúcar e que devia era dar leite normal. E eu estupidamente tomei essa decisão. Nesta mesma altura a Lúcia foi vacinada. Era suposto ficar irritada e fazer uma reação na pele que iria durar cerca de duas semanas. O que realmente se veio a verificar, mas os sintomas agravaram-se muito, já nem comia apenas bebia leite.

 

A Lúcia chorava dia e noite - e ela nem é de chorar - não dormia as suas sestas e durante a noite era um horror... o corpo começava a apresentar muitas manchas vermelhas e ela gritava de dor na zona da barriga que nesta fase mais parecia um balão inchado e muito duro. Mas ainda não tinham passado as duas semanas da reação das vacinas pelo que esperei...

 

Ao quarto dia estava desesperada, como havia o aviso para não irmos logo para os hospitais por causa do vírus da gripe, liguei para a saúde 24. No inquérito que nos fazem ia respondendo a todas as perguntas enquanto a Lúcia chorava... o enfermeiro disse-me logo que os sintomas que eu estava a descrever não eram os das vacinas, mas os de uma reação alérgica e faz a pergunta "de certeza que não lhe deu nada de novo nestes dias?" 

 

numa fração de segundos percebi de imediato a porcaria que tinha feito. E respondi a verdade, a única coisa que eu lhe tinha dado era leite de vaca normal. Foi-me explicado que ela manifestava todos os sintomas de alergia à lactose, que dentro de dois a três dias estaria melhor, teria de voltar ao leite antigo que era mais reconfortante e teria de lhe dar medicamentos para as cólicas que era verdadeiramente terríveis.

 

Depois disto, fomos ao médico e contámos o que tinha acontecido, a Lúcia não poderia nunca experimentar leite normal até aos três anos, e teríamos de ter o máximo cuidado com os iogurtes e todas as outras coisas. Deveria ser uma coisa simples, mas não é. Alguns meses depois fiz omelete (com leite) e dei-lhe sem pensar no que estava a fazer... foi um bocadinho, mas foi o suficiente... e assim temos aprendido. Era suposto estar "pro" no assunto uma vez que passaram seis meses. Mas não.

 

Desde que mudámos de leite que segui um conselho que me deram: dar o de soja, mas ela não gostou e fez-lhe mal à barriga, depois comprei novamente o 1-3 anos e fui comprando os que dizem "sem lactose" das várias marcas, nunca dando do mesmo tipo mais de uma semana. Acontece que, como ela tem estado doente e deixou de comer por causa daquela coisa "aftosa" tem bebido mais leite e como não consegui comprar de outra marca, ora estive a dar o do Lidl durante quatro dias... e o que é que aconteceu? Pois é, estamos outra vez a passar pelos sintomas da alergia... desta vez até tem as pálpebras inchadas... na verdade o leite do Lidl diz sem lactose, mas tem um asterisco... não tem muita lactose, mas afinal sempre tem alguma!

 

Isto é uma aprendizagem constante... quem é que diria que seria preciso tanta coisa por causa do leite?

 

No site da Mimosa encontrei informações muito boas... descobri ainda que

 

"os derivados contêm um teor de lactose menor que o leite, variável consoante o seu processamento. 

Outros alimentos poderão ser fonte de lactose, por isso, deve sempre confirmar a presença/ ausência de lactose na lista de ingredientes. Estes são alguns exemplos:

• Gelados 
• Cereais de pequeno-almoço
• Alimentos ou refeições pré-cozinhados 
• Margarina 
• Maionese 
• Molhos
• Bolachas 
• Bolos e doces 
• Frutas de conserva 
• Batatas fritas comerciais
• Sopas instantâneas 
• Enchidos, salames, salsichas industriais 
• Xaropes e antibióticos líquidos 
• Preparados vitamínicos e minerais"

 

É muita coisa... mas tenho de começar a prestar mais atenção... porque as consequências são mesmo terríveis...

 

 

 

 

 

 

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D